• Visitantes do Site

    contador de visitas
    VISITANTES
  • VEREADORA NO EVENTO DO ROYALTIES

    Clique na Imagem para abrir!
  • SOS REGIÃO SERRANA

  • MINHA BANDEIRA


    O povo me elegeu e por ele eu luto e lutarei!
  • CONTRA A EMENDA IBSEN


  • O PODER DA MULHER QUE ORA

  • TWITTER

  • ARQUIVOS:

  • DOE SANGUE


  • DENUNCIE


  • VILMA DOS SANTOS NA INTERNET

  • VÍDEO 01

  • VÍDEO 02

  • VÍDEO 03

  • VÍDEO 04

Senado assina ajuste de conduta com Eletronuclear

O Senado assinou ontem(5) um termo de ajuste de conduta com a Eletrobrás Eletronuclear, com o objetivo de garantir a segurança nas usinas nucleares de Angra dos Reis. O acordo ocorreu no âmbito da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA), em busca o aprimoramento da segurança nas usinas.

No mês de abril, uma comissão provisória externa da CMA visitou as instalações das usinas de Angra 1 e 2, e as obras de Angra 3. O acidente nuclear que ocorreu no Japão naquela época motivou a preocupação dos senadores, e por conta disso um relatório da visita foi apresentado na reunião da comissão e, com base nele, foi acertado o termo de ajustes.

O documento prevê uma série de ações e providências por parte da Eletronuclear, com ênfase na segurança dos funcionários da usina, dos moradores da região e do próprio sistema nuclear. Entre as medidas, a empresa deve adotar um sistema para prevenir alagamento nos geradores a diesel de emergência e construir uma pequena usina hidrelétrica para fornecimento de energia em situações críticas.

A Eletronuclear também deve construir um píer para facilitar a evacuação por via marítima, em caso de acidente nuclear. A empresa ainda deve cooperar com a Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen, para a implantação de depósito de rejeitos radioativos – questão citada por unanimidade entre os senadores.

O termo de ajuste também prevê que a CMA entre em contato com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) para pedir a duplicação da Rodovia Rio-Santos (BR-101), no trecho que passa por Angra dos Reis e serve de rota de evacuação, em caso de necessidade. Para a prefeitura da cidade, a CMA deve propor a ampliação do aeroporto e a construção de um hospital.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: