• Visitantes do Site

    contador de visitas
    VISITANTES
  • VEREADORA NO EVENTO DO ROYALTIES

    Clique na Imagem para abrir!
  • SOS REGIÃO SERRANA

  • MINHA BANDEIRA


    O povo me elegeu e por ele eu luto e lutarei!
  • CONTRA A EMENDA IBSEN


  • O PODER DA MULHER QUE ORA

  • TWITTER

  • ARQUIVOS:

  • DOE SANGUE


  • DENUNCIE


  • VILMA DOS SANTOS NA INTERNET

  • VÍDEO 01

  • VÍDEO 02

  • VÍDEO 03

  • VÍDEO 04

Bombeiros e PMs realizam ato de agradecimento a população de Angra

Bombeiros e policiais militares do estado do Rio de Janeiro realizaram na manhã de hoje (10), na Praia do Anil, um ato de agradecimento a população de Angra dos Reis, em virtude do apoio mostrado durante a prisão arbitrária de 439 homens, no início do mês passado. Os militares distribuíram fitas azuis e vermelhas, para motoristas que transitavam pelo local.

Durante os oito dias em que os militares ficaram presos, moradores de Angra demonstraram total apoio à causa, e saíram às ruas com o objetivo de expressarem a sua indignação contra as atitudes tomadas pelo Governador do Estado do Rio de Janeiro.

Para Adenilson Vidal, coordenador do Movimento,  – o movimento dos militares tem uma importância muito grande para toda a sociedade.

– Este movimento tem uma importância muito grande para a sociedade e o resultado desta reivindicação dos militares vai resultar em qualidade. Com a aprovação da PEC 300, muitos não precisarão fazer ‘bicos’. A aprovação da PEC trará um resultado total para a sociedade, que terá homens trabalhando mais satisfeitos e agindo do jeito que a população necessita – falou Vidal.

De acordo com Maria dos Santos Silva, os militares demonstraram mais uma vez que estão do lado da população. – Este ato é uma forma de retribuir o carinho que demonstramos a eles. Se fosse outra categoria, talvez não estivessem nos agradecendo – disse.

O ato na Praia do Anil também contou com a presença de professores da rede estadual, que reivindicaram melhorias salariais, e estão em greve. Os militares agora lutam para que a anistia seja concedida, aos 439 homens presos, após a invasão do BOPE (Batalhão de Operações Especiais). A categoria reivindica a aprovação da PEC 300, que equipara o salário, ao dos militares do Distrito Federal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: