• Visitantes do Site

    contador de visitas
    VISITANTES
  • VEREADORA NO EVENTO DO ROYALTIES

    Clique na Imagem para abrir!
  • SOS REGIÃO SERRANA

  • MINHA BANDEIRA


    O povo me elegeu e por ele eu luto e lutarei!
  • CONTRA A EMENDA IBSEN


  • O PODER DA MULHER QUE ORA

  • TWITTER

  • ARQUIVOS:

  • DOE SANGUE


  • DENUNCIE


  • VILMA DOS SANTOS NA INTERNET

  • VÍDEO 01

  • VÍDEO 02

  • VÍDEO 03

  • VÍDEO 04

Câmara Municipal de Angra promove mobilização pelo Tebig

A Câmara Municipal de Angra dos Reis iniciará nesta amanhã, dia 02, uma série de ações e mobilizações em defesa da obra de ampliação do terminal de petróleo da Baía da Ilha Grande (Tebig), que está sob ameaça de não ser autorizada pelo Governo do Estado. Para o presidente da Câmara, Dr. José Antônio Gomes (PCdoB), a cidade deve manifestar-se e saber que, se o Tebig for desativado, toda a economia do município pode sofrer um colapso. A arrecadação municipal poderia ter uma queda de até 60%, ou seja, menos R$ 500 milhões anuais nos cofres públicos. Outra consequência da queda na movimentação do Tebig, em poucos anos, seria a exclusão de Angra da Zona de Produção Principal de petróleo, o que representaria outra perda, de até 90% dos royalties. Dos atuais R$ 84 milhões anuais, a cidade passaria a receber pouco mais de R$ 12 milhões.

Neste momento, a Petrobras\Transpetro considera outros dois sítios para o empreendimento: Maricá ou Itaguaí. Em ambos os casos, no entanto, a obra sairia mais cara do que em Angra dos Reis, onde todo o impacto ambiental do Terminal já foi absorvido desde sua construção, nos anos 70. A ampliação do Tebig custaria cerca de R$ 3,5 bilhões, enquanto que em outro local, os cálculos iniciais estimam a obra em R$ 5 bilhões.

A audiência de Comissão de Minas e Energia, para discutir a questão da ampliação do Terminal Aquaviário da Baía da Ilha Grande -Tebig, acontecerá no dia 18/04, às 10 horas, no Plenário, em Brasília.

– É hora de mostrarmos união, pois pode ser o início de um esvaziamento econômico da região. O que acontece em Angra impacta todos os nossos vizinhos e esperamos que a população compreenda a gravidade do que se pretende fazer. Esta obra é vital para que o Terminal possa acompanhar o desenvolvimento do setor de petróleo no país, considerando já o crescimento advindo do pré-sal. Se Angra tiver que competir com outro terminal, o risco é que o Tebig acabe ficando sem movimentação e a cidade, sem a arrecadação que assegura os serviços públicos essenciais. Não vamos desistir

CONTEM COMIGO! Meu gabinete estará sempre à  sua disposição. Telefone: 3365-4086 -Vereadora Vilma dos Santos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: